Aprenda o que é o Oscilador Klinger e como ele pode identificar trades lucrativos

Sincronize seus trades com um profissional - Saiba mais

Pontos-chave: 

  • O Oscilador Klinger é um indicador de confirmação que usa o volume como base para seu cálculo.
  • Esse indicador sinaliza pontos de pullbacks, viés e força da tendência e também divergências.
  • Apresentado por linhas ou por histograma, este indicador é bastante visual e de fácil compreensão.
  • Confirmado pela análise do preço e o uso de outros indicadores, o Oscilador Klinger traz mais confiança para o trader em suas operações.

O Oscilador Klinger tem como premissa comparar a variação do volume do ativo em relação ao movimento do preço, através das médias móveis. Facilmente identificável no gráfico, o indicador traz importantes impressões que auxiliam na rápida tomada de decisão do trader.

O indicador é recente, desenvolvido por Stephen J. Klinger e divulgado ao público pela primeira vez no MTA Journal (Market Technicians Association Journal) na edição de inverno de 1994 e primavera de 1995.

Continue a leitura e saiba como o oscilador Klinger pode acrescentar informações à análise técnica e ser útil para sua performance como trader.

O que é o Oscilador Klinger?

O Oscilador Klinger é um indicador de confirmação que utiliza em seu cálculo duas médias móveis exponenciais com configuração padrão de 34 períodos, a mais rápida, e 55 períodos, a mais lenta. A partir daí é comparado o volume com o movimento do preço do ativo, plotando assim um gráfico onde é demonstrado essa relação.

Semelhante ao indicador MACD, o aspecto gráfico do oscilador Klinger é representado por um histograma, gerado pela diferença entre a linha KVO (Klinger Volume Oscillator) e sua média móvel, como mostra a figura abaixo:

No geral, o indicador nos ajuda a identificar pullbacks, vieses de alta/baixa e divergências a partir das movimentações da linha KVO e da média móvel, em comparação com a análise gráfica do price action, por isso é tido como um indicador de confirmação.

Como é calculado o Oscilador Klinger?

O Oscilador Klinger tem seu cálculo baseado na subtração de duas médias móveis exponenciais da Força do Volume (FV) (uma MME mais rápida de 34 períodos e uma MME mais lenta de 55 períodos), de forma a gerar a linha KVO. A Força do Volume (FV) tem como parâmetro de cálculo a máxima, a mínima, o fechamento e o volume do período gráfico utilizado.

A linha KVO pode ser calculada a partir da fórmula:

Onde:

A FV é obtida pela fórmula:

imagem: automatize seus trades com nossa plataforma - mascote botinho smarttbot e imagens de candles em um balão de fala

Onde:

Para completar o desenvolvimento do indicador, atribui-se ainda uma média móvel exponencial de 13 períodos aplicada na linha KVO.

No desenvolvimento do cálculo do Oscilador Klinger, percebe-se a complexidade deste cálculo. No entanto, não é algo a se preocupar, uma vez que nos dias atuais, as soluções automatizadas, em sua grande maioria, disponibilizam tais parâmetros programados.

Como interpretar o Oscilador Klinger?

Existem três interpretações básicas a serem feitas no Oscilador Klinger, porém, por ser um indicador de confirmação, é importante que a análise seja validada pelo price action ou em conjunto com outros indicadores. A três interpretações são:

  1. Viés de alta/baixa: acontece no cruzamento da linha KVO com a média de 13 períodos.
  1. Pullbacks: quando, em uma tendência definida, a linha KVO retorna ao valor zero ao mesmo tempo em que o preço retorna para a linha de tendência (seja tendência de alta ou baixa).
  1. Divergências: ocorre quando no gráfico há topos ou fundos consolidados (no mesmo patamar), enquanto o Oscilador Klinger mostra topos ou fundos em ascendência ou descendência. De tal forma, esta divergência com o gráfico pode antecipar uma nova tendência.

Quais são as vantagens de usar o Oscilador Klinger no day trade?

Segundo o 5º princípio da teoria de Dow, que diz que “O volume deve confirmar a tendência”, temos um indicador poderoso, pois o mesmo utiliza esse conceito para fornecer seus sinais.

Com o correto uso do Oscilador Klinger é possível perceber quando uma tendência está forte, ou até mesmo uma possível reversão através de divergências, pois tal indicador utiliza da força do volume (linha KVO) em seu desenvolvimento e, assim, reflete as pressões compradoras e vendedoras. 

Um exemplo é o trade system que gera um sinal de entrada na operação a partir do cruzamento da Linha KVO com a média móvel de 13 períodos, sendo confirmado por uma média móvel do preço. Assim, há indicação de compra apenas com o preço acima da média móvel e venda apenas com o preço abaixo da média móvel.

Quais são as limitações do Oscilador Klinger?

Por ser considerado um indicador de confirmação, o Oscilador Klinger pode gerar sinais ruins ou falsos, por isso há a necessidade de validação dos sinais através do price action (ação do preço) ou com o uso em paralelo de outros indicadores.

Outro ponto que traz limitações para o indicador, se deve ao fato do Oscilador Klinger comparar valores atuais com valores anteriores, gerando assim um atraso da informação o que pode repercutir no momento ideal de entrada.

Dica Smartt

O oscilador Klinger é um indicador recente, caracterizado como um recurso de confirmação. Quando aplicado traz importantes sinais de tendência e pode alertar quais são os melhores momentos de entrada e saída do trade. Portanto, seus insights, quando utilizado simultaneamente a outros indicadores, fazem a diferença em operações de investimento, principalmente no day trade.

Vale ressaltar a importância de um stop loss bem fundamentado e que esteja dentro do gerenciamento de risco, pois dessa forma, no longo prazo é possível ter mais operações vencedoras, uma vez que “o volume deve sempre confirmar a tendência”.

Quer automatizar suas operações com a maior plataforma de robôs traders do Brasil? Então clique aqui e faça uma simulação gratuita com os robôs da Smarttbot!

Banner - Operações de um trade profissional no WIN - saiba mais - SmarttBot. Foto: Marcel Mallio